Limpa no Elenco? Até quando?

28 FEV 2019
28 de Fevereiro de 2019


Por: Daniel Salles

Gerenciar elenco no São Paulo não tem sido tarefa das mais fáceis. De 2012, último título, até agora, mais de 85 jogadores já passaram pelo clube, sendo que quase a metade deles ficou por 1 ano ou menos.

Vários fatores têm interferido neste longo período de jejum Tricolor: jogadores que fazem contratos curtos a fim de aparecer para o futebol europeu, jogadores contratados a pedido de técnicos que também saem a cada 6 meses, e a cada novo treinador, um novo planejamento, e uma nova lista de dispensas.

Fica claro que, atualmente, o São Paulo não consegue fazer com que jogadores deem a volta por cima e se tornem protagonistas no time. Qualquer boa oportunidade para jogador/empresário tem vida fácil no Tricolor. Isso quando o São Paulo não empresta jogadores a outros clubes pagando parte dos salários, comprometendo totalmente o orçamento da equipe.

Em contrapartida, um dos times mais vencedores nos últimos anos, o Grêmio vem dando exemplo de boa gestão e como reconstruir times vencedores sem grandes investimentos: traz jogadores em baixa no mercado nacional ou internacional, e com um grande trabalho de Renato Portaluppi e sua comissão, faz jogadores em mau momento renderem e melhorarem o time. Abre oportunidade para jovens promessas e tem acumulado grandes cifras não só nas vendas dessas joias, mas também com títulos e premiações.

O atual momento do São Paulo na temporada, passa por um novo planejamento já no segundo mês do ano: troca de treinador, torcedores pedindo mais uma faxina no elenco Tricolor. Diego Souza foi artilheiro do time ano passado. Nenê vice artilheiro e líder em assistências. Com o técnico Cuca, será que estes jogadores não podem ser úteis e renderem com a camisa Tricolor? Foram feitos investimentos altos, o time não pode ficar refém da vontade de jogadores para sair e entrar do clube, sem que cumpram (e bem) seus contratos.

Falta planejamento a médio e longo prazo. Último grande treinador com bons resultados neste período foi Muricy. Não à toa, foi o último treinador a completar mais de 1 ano à frente do comando do time. Cuca chega como um dos melhores treinadores do País. Chegou a hora de acreditar num trabalho a longo prazo.

Os protestos contra a atual diretoria e elenco são válidos. Mais erros que acertos, contratações duvidosas e jogadores rendendo muito abaixo do esperado. Mas quando um time está blindado e com um grande nome no comando, pode ser a luz no fim do túnel que tanto a torcida deseja. E que seja o grande momento do Cuca, finalmente, no SPFC.

Saudações Tricolores!

By Daniel Salles - @dlrsalles - @webtricolorfc – App:Tricolorfc – 28.02.19

Voltar