CAMISA: JARDINE 2019!

14 JAN 2019
14 de Janeiro de 2019

 

Por: Daniel Salles

A Nação Tricolor tem passado os últimos  anos com um péssimo retrospecto: “seca” de títulos e vendo os principais rivais comemorarem conquistas. Já são 7 anos de “jejum”: último título foi a Sul Americana, em 2012. O último campeonato Brasileiro, em 2008. Paulista, Libertadores e Mundial em 2005.

Anos de turbulência na direção do clube, contratações e vendas de jogadores questionáveis, fracassos contra times inexpressivos, o Clube com a maior “seca” de títulos no estado não pode se queixar de uma coisa: o apoio incondicional de sua fanática torcida. Recordes de públicos, inclusive salvando o Clube de possíveis vexames de rebaixamentos. Atualmente, o São Paulo, pioneiro no plano de sócio torcedor no País, é o Clube com maior número de sócios: 154 mil sócios torcedores.

Em contrapartida vem Cotia. Fazendo um trabalho de excelência, com vários títulos e encantando com o ótimo futebol apresentado. Desde 2005, a base Tricolor já soma mais de 60 títulos. Grandes jogadores com destaque no futebol internacional foram formados em Cotia. Nomes como Lucas Moura, Casemiro, Luiz Araújo, David Neres, Militão são constantemente lembrados nas redes sociais pelos torcedores.

E por que acreditar em Jardine? 

Jardine, apesar de ter apenas 39 anos, possui um currículo invejável. Iniciou sua carreira como treinador no Internacional e dirigiu todas as categorias de base do Clube, conquistando mais de 30 títulos. Em 2013 foi para o rival Grêmio a fim de comandar o sub 17 e após suas conquistas, tornou-se auxiliar técnico, onde chegou a comandar seu primeiro jogo como treinador interino. Venceu o Vitória, por 2x1, mas logo voltou ao cargo de auxiliar quando o clube gaúcho trouxe Luís Felipe Scolari. Em 2015 veio ao Tricolor para comandar os meninos sub 20 de Cotia. E de lá pra cá, conquistou 8 títulos, incluindo o tricampeonato consecutivo da Copa Ipiranga RS e a inédita taça libertadores sub 20, sendo a única equipe do país a conquistar o campeonato.

Após a demissão de Diego Aguirre no final de 2018, Jardine foi efetivado pela diretoria para ser o treinador que comandará o SPFC na temporada de 2019.

O padrão que ele dita nos seus times combina muito com a história Tricolor: equipe bem organizada taticamente, valorizando bastante a posse de bola, propondo o jogo e dando liberdade ao talento individual no 1x1, com um time compacto e que trabalha bem conforme o adversário. Hoje essa filosofia já é praticada em Cotia, onde o técnico Orlando Ribeiro da continuidade com excelência no trabalho deixado por Jardine.

Pesa contra ele, o trabalho para trazer resultados imediatos. A torcida, com razão, cobra títulos a curto prazo. 

Eu visto a camisa acreditando no trabalho do Jardine em 2019! Ele pensa no futebol ofensivo, tem o DNA Tricolor. Na década de 80, tivemos os menudos do Morumbi, geração de Muller, Silas, Careca. Nos anos 90, a vitoriosa geração de Telê Santana. O fato em comum: times que tiveram grande presença de atletas formados no clube. E Jardine, que comandou 4 anos o sub 20, encontra um grupo com grandes talentos, e a presença de um jogador vitorioso e experiente como o profeta Hernanes pode ser vital para o seu sucesso na temporada.

E você tricolor? Acredita que Jardine possa ter sucesso no seu primeiro ano no comando?

Conquistas de Jardine como treinador

2018 | Vice-campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior (São Paulo FC)

2017 | Campeão da Copa RS Sub-20 (São Paulo FC)

2016 | Campeão da Copa RS Sub-20 (São Paulo FC)

2016 | Campeão Paulista Sub-20 (São Paulo FC)

2016 | Campeão da Copa do Brasil Sub-20 (São Paulo FC)

2016 | Campeão da Copa Libertadores Sub-20 (São Paulo FC)

2015 | Campeão da Copa RS Sub-20 (São Paulo FC)

2015 | Campeão da Copa do Brasil Sub-20 (São Paulo FC)

2015 | Campeão da Copa Ouro Sub-20 (São Paulo FC)

2014 | Campeão Gaúcho sub-20 (Grêmio FBPA)

2012 | Vice-campeão Brasileiro sub-20 (SC Internacional)

2012 | Campeão Gaúcho sub-20 (SC Internacional)

2011 | Campeão Copa FGF/RS sub-19 (SC Internacional)

2011 | 3º Lugar Taça Belo Horizonte/MG sub-20 (SC Internacional)

2011 | Campeão Copa Santiago/RS sub-17 (SC Internacional)

2011 | Campeão Gaúcho sub-20 (SC Internacional)

2010 | Campeão Copa Santiago/RS sub-17 (SC Internacional)

2010 | Campeão Copa Nacional/ES sub-17 (SC Internacional)

2010 | Campeão Gaúcho sub-17 (SC Internacional)

2009 | Campeão Copa Votorantim/SP sub-15 (SC Internacional)

2009 | Campeão Copa Brasil de Londrina/PR sub-15 (SC Internacional)

2009 | Vice-campeão Copa Zico Brasil-Japão/RJ sub-15 (SC Internacional)

2008 | Campeão Efipan/RS sub-14 (SC Internacional)

2008 | Campeão Gaúcho sub-20 (SC Internacional – Auxiliar técnico)

2008 | Campeão Gaúcho sub-15 (SC Internacional)

2008 | Campeão Youth Cup/MG sub-15 (SC Internacional)

2007 | Campeão Copa Cidade Verde/RS sub-13 (SC Internacional)

2007 | Campeão Taça Saudades/SC sub-12 (SC Internacional)

2007 | Campeão Torneio de Montenegro/RS sub-13 (SC Internacional)

2007 | Campeão Gaúcho sub-13 (SC Internacional)

2006 | Campeão Copa Cidade Verde/RS sub-13 (SC Internacional)

2006 | Campeão Taça Saudades/SC sub-13 (SC Internacional)

2006 | Campeão Sul-Americano/SP sub-12 (SC Internacional)

2006 | Campeão Gaúcho sub-12 (SC Internacional)

2006 | Campeão Gaúcho sub-17 (SC Internacional – Auxiliar técnico)

2005 | Campeão Torneio de Araranguá/SC sub-12 (Internacional)

2005 | Campeão Copa Mizzuno/ sub-12 (SC Internacional)

2005 | Campeão Gaúcho sub-12 (SC Internacional)

2004 | Campeão Gaúcho sub-11 (SC Internacional)


Saudações 

By: Daniel Salles - @dlrsalles - @webtricolorfc – 14.01.2019

 

Voltar