Fim do tabu e vitória para lavar a alma!

16 FEV 2017
16 de Fevereiro de 2017


Por: Daniel Salles

A temida sequência no início de temporada para Rogério Ceni e seus comandados se transformou em confiança no bom início em 2017.

O título da Flórida Cup sem marcar gols e a derrota em sua primeira partida oficial, fizeram alguns torcedores questionarem se o São Paulo voltaria a repetir os mesmos erros dos últimos anos.

O adversário desta quarta-feira, o Santos na Vila Belmiro vinha sendo um time bem complicado para o nosso Tricolor. O São Paulo não sabia o que era ganhar do Santos em sua casa há 8 anos, desde os 4x3 no brasileiro de 2009. Pelo campeonato Paulista o jejum era ainda maior: um 2x1 em 2003.

Nesta quarta-feira o São Paulo entrou em campo disposto a colocar fim neste tabu. O jogo começou como era previsto. Pressão do Santos, que em uma grande jogada pelo lado esquerdo, encontrou Copete livre na pequena área para abrir o placar. Mas talvez a principal virtude deste time em construção de Rogério Ceni, é não se abater mesmo com o placar em desvantagem. O jogo continuou muito brigado e o empate veio em um pênalti sofrido por Gilberto. Cueva marcou e deixou o Tricolor com o empate no primeiro tempo.

Para o segundo tempo o maior acerto de Rogério Ceni: sacou Neilton que estava apagado no jogo para entrada de Luiz Araújo. O menino não se intimidou e mudou a cara do jogo. Com uma forte marcação e organizado nos contra-ataques não demorou muito para o São Paulo dominar e liquidar a partida. Em uma bola roubada no meio de campo, Luiz Araújo em grande arrancada saiu livre para tirar o goleiro Vladimir e virar o jogo.

Não demorou muito e o São Paulo deu uma aula de contra-ataque. Sidão lançou para Araruna, que carregou a bola e encontrou Cueva na frente da área. O peruano, em grande fase, se livrou de três marcadores e encontrou Luiz Araújo livre, que deslocou o goleiro e marcou um belo gol.

Em outro contra-ataque puxado por Luiz Araújo, Gilberto perdeu o que poderia ser uma goleada na casa do adversário. Sozinho, na cara de Vladimir, chutou e a zaga tirou em cima da linha.

Uma vitória contra o Santos, atual vice-campeão brasileiro e talvez o melhor dos times paulistas, no caldeirão da Vila Belmiro é para encher de moral. Ainda não conquistamos nada, porém o São Paulo de Ceni dá indícios de que pode sim brigar ainda em 2017 por títulos. O time está em formação, tem muitos jogadores para entrar, mas a forma como o Tricolor tem atuado de maneira agressiva buscando sempre o gol, traz a esperança do time rapidamente se entrosar e fazer uma grande temporada. A equipe vem respondendo bem as substituições, mostrando que o São Paulo pode ir muito além do que um time titular, pode formar um plantel competitivo.

Parabéns São Paulo!

Saudações tricolores,


By Daniel Salles - @dlrsalles - @webtricolorfc – 16.02.17

Voltar