ERA M1TO, COMEÇA COM TÍTULO

23 JAN 2017
23 de Janeiro de 2017


 

Por: Ugo Marques

O São Paulo começou 2017 de forma animadora, nem tanto pelos resultados, mas sim pela atitude da equipe, principalmente o time que iniciou os 2 jogos da Flórida Cup.

O torneio era amistoso, preparatório, mas o adversário era o maior rival do clube, tinha em campo o histórico ruim frente ao adversário em confrontos mata-mata, teríamos as gozações tradicionais em caso de derrota, fatos que poderiam gerar prejuízos futuros, porém sempre é melhor começar com um título, mesmo que de pequeno valor, e principalmente, sempre é bom bater no rival.

O jogo foi de baixo nível técnico, muitas jogadas duras e muitas vezes violentas. Até a expulsão de Maicon e Kazim o São Paulo dominava o jogo e tinha controle total da partida, após a expulsão o técnico Rogério Ceni sacou Luiz Araújo e colocou João Schmidt, e o time perdeu um pouco o ímpeto dentro deste novo esquema. Continuou com o controle do jogo, porém de forma improdutiva. No segundo tempo vieram as alterações e o Corinthians passou a dominar o jogo e chegou a criar três grandes chances de matar o jogo, o São Paulo teve uma única chance com Gilberto livre na pequena área e cabeceando para fora.

A partida terminou 0x0 e foi mais uma vez, assim como diante do River Plate na semifinal, para os pênaltis, e o São Paulo mais uma vez contou com grande performance do goleiro Sidão que defendeu dois penalidades e garantiu o título ao Tricolor.

Fato muito positivo foi mais uma vez a defesa, Douglas fez sua estreia pelo Tricolor e atuou muito bem ao lado de Maicon e depois de Rodrigo Caio, saímos do torneio sem tomar gols, mesmo com Lucão e Wesley proporcionando grandes emoções quando entraram no jogo.

O fato negativo fica por conta do ataque, Chavez, Luiz Araújo e Gilberto perderam muitos gols no torneio e deixaram claro a necessidade de se contratar um camisa 9, não fizemos um gol sequer no torneio, não fosse a defesa que atuou bem e principalmente, o goleiro Sidão que pegou quatro pênaltis nos dois jogos, o que nos valeu o título. Rogério com certeza está de olho nisso e logo teremos a solução.

No geral ficou evidente a nova postura da equipe, lutar contra o rebaixamento deve passar longe do Morumbi por muitos e muitos anos, o Tricolor com certeza entrará em campo com postura de vencedor, inspirado no técnico e na torcida. Este ano de 2017 promete ser nosso ano, vamos todos torcer, lotar o Morumbi todos os jogos e apoiar a equipe incondicionalmente.

  

Atuações e destaques do São Paulo

Sidão

Definitivamente caiu nas graças da torcida, entrou novamente no segundo tempo e foi para a decisão de pênaltis ser “herói”, defendeu dois penalidades e foi o responsável direto pela conquista da Copa Flórida. Nota: 9,0

Wellington Nem

Novamente o destaque do time no primeiro tempo, deu trabalho para a defesa adversária, ajudou na marcação, se mantiver o ritmo será importantíssimo na temporada. Nota: 7,5

Bruno

Deu um chute no adversário caído e poderia ter prejudicado a equipe caso o juiz tivesse expulsado, o jogo sábado era quase um amistoso, desnecessária uma atitude como esta. E se é num torneio importante e o juiz vê? Nota: 0

Maicon

Comprou a briga, empurrou, “jurou o adversário”. Atitude irresponsável, se fosse um jogo importante poderíamos sair prejudicamos pela expulsão, e além de tudo deu mau exemplo como capitão da equipe. Nota: 0

 

Denis [GOL]: 6,0

(Sidão [GOL]): 9,0

Bruno [LAD]: 0

(Júnior Tavares [LAD]): 6,0

Douglas [ZAG]: 6,0

(Lucão [ZAG]): 4,0

Maicon [ZAG]: 0

Rodrigo Caio [ZAG]: 6,5

Buffarini [LAE]: 6,5

(Araruna [VOL]): 4,0

Thiago Mendes [VOL]: 6,0

(Neilton [ATA]): 5,0

Cueva [MEC]: 6,0

(Cícero [VOL]): 5,0

Luiz Araújo [ATA]: sem nota

(João Schmidt [VOL]): 5,0

Wellington Nem [ATA]: 7,5

(Wesley [VOL]): 4

Chavez [ATA]: 4,5

(Gilberto [ATA]): 6,5

 

 

By: Ugo Marques - @ugomarques - @webtricolorfc – 23.01.17

Voltar